Para que serve uma consultoria financeira

Avatar porSergio Tavares

Para que serve uma consultoria financeira

Muitas pessoas, sejam empreendedores, donos de empresa ou pessoas físicas, que não se sentem confortáveis quando o assunto é finanças, recorrem a um consultor financeiro para que possam resolver os seus problemas de forma prática e segura.

Mas afinal, o que é e pra que serve uma consultoria financeira? A consultoria financeira é o serviço prestado por um profissional com embasamento técnico que ajuda seu cliente a lidar com suas finanças e o aconselha em seus investimentos. Também faz parte desse serviço a divulgação de informações sobre as tendências econômicas, as mudanças na legislação e os riscos existentes em operação.

É dever do consultor financeiro apresentar todas as informações com segurança para o cliente. Adicionalmente, ele também deve tirar todas as suas dúvidas para este cliente tome as suas decisões de forma consciente e tranquila.

Como funciona o trabalho de um consultor financeiro pessoal? A consultoria financeira começa com uma reunião entre consultor e cliente. Ela é muito importante pois representa o primeiro passo do consultor financeiro, que é o de avaliar as reais necessidades do cliente e ajudá-lo a planejar suas metas e atingir os seus objetivos.

Após identificar os objetivos e as necessidades de seu cliente, o consultor financeiro poderá recomendar a combinação mais adequada de investimentos para ele.

Nesta etapa o consultor tem o papel de educador de seu cliente. Isso porque ele deverá passar o máximo de informações possíveis sobre as opções de investimento, suas vantagens e riscos, e a conjuntura econômica do momento.

Além de trabalhar com recomendações de investimentos, os consultores financeiros também podem orientar sobre controle de finanças pessoais, Imposto de Renda, Previdência Privada, aposentadoria, etc.

O trabalho de um consultor não termina na elaboração do plano financeiro de seu cliente. O ideal é que novas reuniões ocorram para que o consultor possa monitorar os resultados dos investimentos do cliente, a situação de suas contas e sugerir alterações, caso necessário.

Os ajustes são essenciais porque tanto as circunstâncias da economia como as próprias metas do cliente podem sofrer alterações ao longo do tempo. Por isso é importante que cliente e consultor se reúnam periodicamente para reavaliar o planejamento feito.

Como é feita uma consultoria financeira empresarial? Existem consultorias financeiras que são especializadas no trabalho com empresas. Nestes casos, uma determinada empresa contrata um consultor financeiro externo para resolver um problema específico que esteja prejudicando a performance operacional da mesma.

Este consultor fará o diagnóstico da situação, avaliará as possíveis soluções para o problema e ajudará no processo de implementação.

Assim como ocorre no aconselhamento pessoal, a consultoria financeira empresarial também costuma se desenvolver em três etapas: diagnóstico e planejamento, execução e acompanhamento.

Para micros e pequenas empresas, a consultoria financeira pode ser bastante útil para esclarecer as dúvidas do administrador do negócio, já que em muitos casos ele não é um gestor financeiro profissional.

O consultor financeiro poderá ajudar a melhorar a estrutura de gestão, criando mecanismos e sugerindo ferramentas que garantam a correta contabilização de todas as transações realizadas pela empresa.

Este trabalho permitirá ao gestor da empresa ter um maior controle financeiro e uma melhor análise de seu fluxo de caixa, possibilitando a ele identificar onde estão localizadas as deficiências que uma vez resolvidas contribuirão para uma maior geração de lucro.

Sobre o Autor

Avatar

Sergio Tavares administrator

Sérgio Soriano Tavares, fundador da STavares Consultoria atua há mais de 15 anos no mercado, trabalhou em grandes empresas nos ramos de auditoria, tecnologia, construção civil, saúde e turismo como financial manager, business management controller, head of finance e auditor.

Deixe uma resposta

× .